O mundo de Palavras: A vida de um bicho (poema)

Bem Vindo/a

Sejam bem vindos ao "Mundo de Palavras", este é um blogue de autor e parte integrante do projecto Poesia Portugal, nascido a 1 de Janeiro de 2009 tem como principal objectivo levar a poesia e a minha opinião pessoal mais longe, tem também como objectivo unir o público e os escritores através do projecto Poesia Portugal.

Se estiverem interessados em ser adicionados aos companheiros desta casa por favor façam essa referência nos comentários, e procedam ao adicionar do blog aos vossos companheiros. ( Obrigado )

Estamos disponíveis nas redes sociais

no Facebook -> https://www.facebook.com/JosePinaOficial/
https://www.facebook.com/PoesiaPortugal

no Twitter -> https://twitter.com/jpina9

Nota: para uma total visualização do blogue por favor desliguem o adblock ou outros bloqueadores uma vez que os mesmos bloqueiam o acesso a aplicações externas por exemplo o google + .
Se por algum erro não se conseguirem tornar seguidores do blogue por favor usem o sistema de seguidores do google +. Obrigado !

Saudações
José Pina

24/10/2009

A vida de um bicho (poema)

boas pessoal de seguida apresento um poema sobre os animais

Poema Beleza de um Ser

Um ser debaixo de uma rocha
vive á procura da sobrevivência
um ser quente e selvagem
que vive uma viagem

Um Ser que só conheçe um lugar
que só conhece uma margem
um dia perdeu o vagar
e lançou se numa miragem

Uma miragem coberta pelo destino
em busca de um angulo recto
num destino que o deixa boquiaberto
por algo que não é concreto

Algo que nem imaginava ser possivel
uma missao inatingivel
que no antigamente era visivel
por alguem simplesmente incrivel

esse alguem o despertou com o seu carinho
o carinho de quem sabe o que é a nobreza
esse canto de todo o mimo
cuja vida é um antro de beleza.




Créditos exclusivos:
Imagem:http://naturaii.blogs.sapo.pt/arquivo/042044.html
Texto: José Pina








Postar um comentário

Partilha com os teus amigos(as)

Pedidos de Poemas

Boas pessoal, aqui vão puder deixar os vossos pedidos de poemas que serão respondidos no blogue por ordem de chegada.