O mundo de Palavras: O Mundo de Beatriz

Bem Vindo/a

Sejam bem vindos ao "Mundo de Palavras", este é um blogue de autor e parte integrante do projecto Poesia Portugal, nascido a 1 de Janeiro de 2009 tem como principal objectivo levar a poesia e a minha opinião pessoal mais longe, tem também como objectivo unir o público e os escritores através do projecto Poesia Portugal.

Se estiverem interessados em ser adicionados aos companheiros desta casa por favor façam essa referência nos comentários, e procedam ao adicionar do blog aos vossos companheiros. ( Obrigado )

Estamos disponíveis nas redes sociais

no Facebook -> https://www.facebook.com/JosePinaOficial/
https://www.facebook.com/PoesiaPortugal

no Twitter -> https://twitter.com/jpina9

Nota: para uma total visualização do blogue por favor desliguem o adblock ou outros bloqueadores uma vez que os mesmos bloqueiam o acesso a aplicações externas por exemplo o google + .
Se por algum erro não se conseguirem tornar seguidores do blogue por favor usem o sistema de seguidores do google +. Obrigado !

Saudações
José Pina

30/03/2013

O Mundo de Beatriz

Madrugada de 08 de Janeiro, 05:00 horas de uma madrugada gélida, nesta madrugada nem os pássaros tinham tido a coragem de espreitar á janela da rua, mas ela lá estava, com os seus cabelos castanhos molhados do duche que tinha terminado ainda não faziam 10 minutos.

Estava ali impávida, á espera do seu autocarro para o trabalho que a obrigava diariamente a percorrer aquele caminho no frio da madrugada e a regressar na esturra do sol das 04:00 da tarde, ela continuava á espera de agarrar o sonho que nunca tinha conseguido , ela queria ser médica!!!

Tinha desistido do seu curso com apenas 20 anos, hoje já contava os seus 24, teve de trabalhar para conseguir ajudar a sua familia.

 E os seus sonhos?

Esses ficaram na sua gaveta dos desejos, bem guardados para um dia retomar, ela sabia que não poderia abandonar a sua família "apenas" para cumprir os seus sonhos.

Perdoem me , não vos apresentei esta princesa de cabelos castanhos, olhos loiros e sorriso brilhante que encanta todos os que nesta madrugada passam por aquela paragem abandonada de autocarro, o nome dela é Beatriz, tem 24 anos , residente no velhinho mas orgulhoso bairro de Alfama, como ela diz tão bem nem seria capaz de pensar em viver em outro lugar.

A Beatriz conclui o 12º ano, tal como vos contei ingressou na universidade com 19 anos acabados de fazer, infelizmente o sonho dela não durou muito, o seu pai faleceu vitima de um acidente no trabalho e com este acidente Beatriz teve de fazer pela vida para ajudar a sua mãe a suportar as custas da casa.

Tinha um irmão, Bruno, ele era detestável, desde que o pai morreu dedicava se a arranjar problemas, referenciado mais de 3 vezes pela policia, agora arriscava prisão caso voltasse a arranjar algum problema.

Beatriz era irmã,mãe e por vezes pai de Bruno, foi ela que nas 3 vezes o foi buscar á policia, foi ela que nas 3 vezes o arrastou para casa e lhe deu os raspanetes a que Bruno fazia orelhas mocas.

Mas voltemos a Beatriz, hoje ela iria sair do trabalho mas não voltaria a casa, iria procurar um emprego melhor, um emprego que lhe permitisse ter mais tempo e dinheiro para concluir a universidade.

16:00 horas, Beatriz saiu da loja onde trabalhava, depois de uma leitura rápida pelo jornal assinalou 3 anúncios que lhe interessavam, ligou para o primeiro que lhe disse para passar no escritório até ás 19:00 horas.

Foi a casa, retocou a sua pouca maquilhagem perante o olhar atento de Bruno que a enxovalhava enquanto ela tentava melhorar a imagem cansada depois de um dia de trabalho.

Chegada ao escritório, Beatriz ficou a contemplar o edificio, Majestoso !!!

Subiu ao piso 3 , que segundo o segurança de serviço era o piso da administração onde já a esperavam, assim que o elevador se abriu Beatriz teve na sua frente um senhor de fato preto e gravata branca, boa figura, boa apresentação que de imediato lhe disse:

Administrador - "Boa tarde, Beatriz? "

Beatriz - "Boa tarde, Sim sou eu."

Administrador - "Siga me por favor "

Beatriz - "Com certeza"

Depois de sentados á secretária, Beatriz explicou o que pretendia , o Administrador calado ouviu a falar dos seus objectivos, no fim e com um sorriso exclamou:

Administrador - "Segundo o seu currículo, tem experiência em vendas correcto?"

Beatriz - "Sim, trabalho numa loja de roupas á cerca de 2 anos e meio"

Administrador - "Muito Bem, habitualmente não contratamos ninguém sem boas referências mas depois de ouvir os seus sonhos vou lhe dar uma oportunidade, terá 15 dias de experiência na nossa empresa, caso tudo corra bem assinará contrato."

Beatriz não cabia em si de contente, saiu para a rua com as lágrimas a correrem lhe o rosto, correu para casa mas ninguém lá estava, havia um bilhete da sua mãe ...

"Filha, não aguento mais esta dor que me explode no peito, é hora de acabar com o meu sofrimento, espero que me perdoes e que cumpras os teus sonhos, não te preocupes com o teu irmão ele partiu para um negócio na Argentina, Sê feliz Beatriz."

O mundo de Beatriz ruiu!!!

José Pina

Postar um comentário

Partilha com os teus amigos(as)

Pedidos de Poemas

Boas pessoal, aqui vão puder deixar os vossos pedidos de poemas que serão respondidos no blogue por ordem de chegada.