O mundo de Palavras: Escarnizar o mundo

Bem Vindo/a

Sejam bem vindos ao "Mundo de Palavras", este é um blogue de autor e parte integrante do projecto Poesia Portugal, nascido a 1 de Janeiro de 2009 tem como principal objectivo levar a poesia e a minha opinião pessoal mais longe, tem também como objectivo unir o público e os escritores através do projecto Poesia Portugal.

Se estiverem interessados em ser adicionados aos companheiros desta casa por favor façam essa referência nos comentários, e procedam ao adicionar do blog aos vossos companheiros. ( Obrigado )

Estamos disponíveis nas redes sociais

no Facebook -> https://www.facebook.com/JosePinaOficial/
https://www.facebook.com/PoesiaPortugal

no Twitter -> https://twitter.com/jpina9

Nota: para uma total visualização do blogue por favor desliguem o adblock ou outros bloqueadores uma vez que os mesmos bloqueiam o acesso a aplicações externas por exemplo o google + .
Se por algum erro não se conseguirem tornar seguidores do blogue por favor usem o sistema de seguidores do google +. Obrigado !

Saudações
José Pina

07/05/2012

Escarnizar o mundo

Até os bonecos o praticam...





Escárnio e Bem dizer, a vontade que tínhamos de o saber, quem o quer defender, aqui na terra do nunca onde já não vimos o sol nascer, vimos betão e mais betão, muito dele a esmorecer, arranha céus e monumentos , perdidos no passar do tempo, são sagrados vários os conventos que caíram com meia dose de vento, hoje é o dia do Escárnio, aliás é mais a década do Escárnio, na sociedade repetitiva em que insistimos em esconder a vida, andamos numa de Escárnizar tudo e todos, somos Escárnio dependentes, Escarnizamos os mendigos, as crianças, os jovens, os manifestantes, até mesmo a policia, somos o Escárnio love deste mundo perdido no tempo, somos o vento que mantém a sociedade adormecida, somos quem queremos ser e não temos nada a perder, Escarniza quem te odeia e vangloria quem te venera, porque o sabor do vento na tromba vale muito mais do que essas lombas, essas lombas por onde passas na eternidão desse caminho, esse caminho que percorres sozinho/a em busca do teu destino, somos 1 só , um só escárnio, um só amor, somos únicos cada um á sua maneira, e quem o contrário dizer contradizes se em pleno pensamento porque o susurro do momento sempre diz o contrário , perco me nas palavras mas não no sentimento , porque esse mantenho cá dentro durante todo e qualquer momento.

José Pina
Postar um comentário

Partilha com os teus amigos(as)

Pedidos de Poemas

Boas pessoal, aqui vão puder deixar os vossos pedidos de poemas que serão respondidos no blogue por ordem de chegada.