O mundo de Palavras: O Mundo

Bem Vindo/a

Sejam bem vindos ao "Mundo de Palavras", este é um blogue de autor e parte integrante do projecto Poesia Portugal, nascido a 1 de Janeiro de 2009 tem como principal objectivo levar a poesia e a minha opinião pessoal mais longe, tem também como objectivo unir o público e os escritores através do projecto Poesia Portugal.

Se estiverem interessados em ser adicionados aos companheiros desta casa por favor façam essa referência nos comentários, e procedam ao adicionar do blog aos vossos companheiros. ( Obrigado )

Estamos disponíveis nas redes sociais

no Facebook -> https://www.facebook.com/JosePinaOficial/
https://www.facebook.com/PoesiaPortugal

no Twitter -> https://twitter.com/jpina9

Nota: para uma total visualização do blogue por favor desliguem o adblock ou outros bloqueadores uma vez que os mesmos bloqueiam o acesso a aplicações externas por exemplo o google + .
Se por algum erro não se conseguirem tornar seguidores do blogue por favor usem o sistema de seguidores do google +. Obrigado !

Saudações
José Pina

20/03/2013

O Mundo

O que é o mundo?
-O mundo é um objecto inerte.

E a terra?
-a terra é um objecto redondo mas na mesma inerte.

Mas espera, se são os 2 inertes, não raciocinam correcto?
-Sim correcto.

Então como pode haver tanta maldade neste mundo e nesta terra?

-Simples meu caro amigo, a maldade está nas pessoas e não no mundo ou na terra, a maldade está na inveja de quem não te pode ver subir um degrau sem te tirar o banco.
A maldade está em quem não controla a vontade de te mandar para o chão, apenas e só porque eles não conseguem subir como tu sobes, nem mesmo suando o triplo do que tu soas.

Mas isso é horrivel, como podem haver pessoas assim?

-Existem os 2 lados, tal como nas moedas, 2 caras, ou sai cara ou sai coroa, no fim o importante é recolheres só o que te pode fazer aprender algo de novo, algo que não conheçes.

Quando te tiram o banco, tu puxas o escadote e sobes até ao topo, se te mandarem ao chão de seguida sobes a um arranha céus.

E vais ver que mais cedo ou mais tarde estarás tão no cimo que já ninguém te vai tentar fazer cair, mas lembra te deixa sempre a tua cabeça e a tua bondade com aqueles que vão ficando ao longo da subida, porque um dia que te desequilibres podem ser esses a manter te em pé.

( apenas uma reflexão e opinião sobre o mundo ou melhor sobre as pessoas que nele habitam.)

José Pina
Postar um comentário

Partilha com os teus amigos(as)

Pedidos de Poemas

Boas pessoal, aqui vão puder deixar os vossos pedidos de poemas que serão respondidos no blogue por ordem de chegada.